Compartilhando experiências e vivências do meu primeiro intercâmbio em Dublin -Irlanda.

Arquivo para a categoria ‘Outros países (Europa)’

Paris – França

E mais um sonho realizado!

Pra comemorar os meus 7 meses aqui na Europa resolvi me presentear com uma incrível e bem planejada viagem a Paris de 3 dias (claro que me programei bem antes pra caber tudo no meu orçamento 😉 ). A viagem ocorreu nos dias 20,21 e 22/10 contando com a cia de mais 3 amigos. Bom, não tenho palavras pra expressar o quão linda é a cidade e para tirarem suas próprias conclusões dêem uma conferida nas fotos abaixo e enjoy it 😉

Este slideshow necessita de JavaScript.

Londres – Inglaterra

Fala galera,

Fiquei sem postar esse fim de semana, devido a uma incrível viagem que fiz com meus amigos Alex e Cris pra lindíssima e incrível Londres!!

Ficamos 3 dias hospedados em um hostel localizado no Piccadilly (centro de Londres), bem próximos das atrações mais procuradas pelos turistas como o palácio, big ben, london eye e london bridge. Ambos você pode conhecer indo a pé mesmo, mas caso queira se deslocar com mais facilidade compre o bilhete no metrô no valor de 7 pounds pra poder utilizar todos os tipos de transportes durante um dia.

Nosso primeiro dia foi então conhecer as atrações turísticas e curtir um pouco a cidade. No segundo fomos ao museu britânico,almoçamos em um restaurante italiano belíssimo e fomos visitar a Renata que estava na casa do namorado dela (Ricardo) em Russel Square. Após tomarmos uns drinks, conversarmos e rimos bastante voltamos até o centro e fomos a um pub irlandês muito divertido pra finalizar a noite com umas boas pints. Por fim, nosso terceiro dia baseou-se mesmo no famoso museu Madame Thussauds, no qual eu e o Alex pareciamos crianças de tão encantados com tudo, e na fantástica loja da M&M’s!!!!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Dica : Ao chegar no aeroporto de Londres já comprem os tickets do ônibus ida e volta (15 libras).Indico o Picadilly Backpackers Hostel por ser bem próximo de alguma atrações, comprem passagens do metrô pra usar o dia todo no valor de 7 libras (pois também com o mesmo poderá usar outros meios de transportes). Além de todos os pontos turísticos não deixem de conhecer  o Madame Thussauds e a noite londrina 😉

 

Belfast – Irlanda do Norte (Ulster)

Hoje eu juntamente com a Cristina e o Alex fomos explorar e nos aventurar em mais um outro país, dessa vez, a nossa vizinha Irlanda do Norte. Pegamos um ônibus na rodoviária do centro de Dublin por 25 euros (ida e volta) e levamos 2 horas pra chegar. A cidade escolhida foi a capital Belfast, muito conhecida e visitada pelos turistas por toda sua história envolvendo o famoso Titanic que foi construído e partiu de lá mesmo. Na cidade toda você encontra algo referente a história do navio, seja em lojas até pinturas nas paredes das ruas. A cidade também é muito procurada pelos consumistas de plantão por vender roupas, perfumes e acessórios por ótimo preços (pois não pagam impostos pro governo) e a moeda utilizada é o Pounds (Libras).

Irlanda do Norte (Northern Ireland), também chamada de Ulster, é uma das quatro partes que compõem o país do Reino Unido. Historicamente, a ilha da Irlanda era dividida em quatro províncias, sendo a mais ao norte, chamada de Ulster. Desde 1920, Ulster foi oficialmente separada do restante da Irlanda que tornou-se independente do Reino Unido. Cerca de 44% da população da Irlanda do Norte é de origem católica e 53%, protestante (2002). A capital é Belfast, a cidade onde o Titanic foi construído e palco de sangrentas lutas lutas separatistas.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Como parte do Reino Unido, os habitantes da Irlanda do Norte são cidadãos britânicos. Eles também têm direito de obter a cidadania irlandesa por nascimento, algo que é garantido pelo Acordo de Belfast, realizados entre os governos britânico e irlandês, que dispõe que é o direito natural de todo o povo da Irlanda do Norte a identificar-se e se aceitarem como irlandês ou britânicos.

DICA: Levem seus passaportes e esteja em dia com o visto (principalmente pra aqueles que estejam em fase de renovação) porque mesmo sendo Irlanda do Norte, a qual muitos falam que não pediam, no meu caso o ônibus que estava foi parado por um oficial da GARDA que verificou todos os passaportes e levou um rapaz com ele (creio que estava sem ou com alguma irregularidade no visto).

Por tanto evite problemas e esteja sempre com seu passaporte em mãos independente do país ser vizinho ou não.

Conexão Amsterdam – Holanda

Dia 29/03 (manha)

Depois de quase 12 horas de vôo, finalmente aterrissamos na famosa Amsterdam – Holanda. País o qual passamos 8 horas até pegarmos o nosso vôo pra Dublin pela Air Lingus.

Aproveitamos esse tempo pra sairmos do aeroporto de Schipol, mas antes passamos pela migração de lá e informamos as nossas intenções. Não se assustem, eles só te perguntam o que vão fazer na cidade e você responde o que pretende fazer e em seguida carimbam teu passaporte e depois só alegria.

Como tinhamos pouco tempo na cidade, pegamos um trem até o centro de Amsterdam que dura uns 20 minutos (estação fica no aeroporto mesmo) e aproveitamos pra conhecer o centro, a Red Light District (famosa pelos coffe shops e a prostituição legalizada), a casa de Anne Frank e o Madame Tussaud. O restante não deu pra conhecermos devido ao pouco tempo e resolvemos voltar ao aeroporto pra descansar.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Na volta ao aeroporto de Schipol, passamos pelo detector novamente e fomos pra sala de embarque e aguardamos até pegarmos nosso vôo que nos trouxe ao nosso destino final: Dublin!!!

PS: Sempre deixem o passaporte fácil quando saírem do avião porque ficam uns oficiais pedindo e quando estiverem próximo a área da migração principalmente. E atenção sempre ao aeroporto porque ele é enorme, chegue sempre mais cedo pro embarque.

Amsterdam – Holanda

O Alex fez o favor de comprar nossas passagens com conexão de 8 horas no aeroporto de Schipol em Amsterdam. Até aí tudo bem, mas a dúvida é a seguinte: Conseguiremos conhecer todos principais pontos turísticos de lá em 6 horas mais ou menos?

Consultando alguns sites e blogs, encontrei um site super bacana feito pelo Daniel Duclos que mora em Amsterdam e que serve de um guia on line bem elaborado e completo, com várias informações e dicas valiosas. Site esse que está me fazendo crer que é possível sim!

http://www.ducsamsterdam.net/

Pesquisando os pontos turísticos, seguem abaixo os que pretendemos visitar:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Pela ordem das fotos:

RIIJKSMUSEUM – É o mais importante e maior museu da Holanda. Uma grandiosa e diversa coleção de obras de arte. É o museu na Holanda que oferece um quadro completo da história holandesa.

VAN GOGH – O museu tem uma vasta coleção de cerca de 200 quadros e cerca de 500 desenhos de Van Gogh e dos seus contemporâneos.

VONDELPARK –  É o maior parque de Amsterdam e o mais famoso da Holanda. Devido à sua situação geográfica privilegiada, próximo à famosa praça Leidseplein e diversos museus, é um dos parques mais freqüentados da cidade.

CASA DE ANNE FRANK HUIS – A Casa de Anne Frank, o refúgio onde Anne escreveu seu famoso diário durante a II Guerra Mundial, está situado no centro de Amsterdã, na rua Prinsengracht 263. O diário original forma parte da exposição permanente do museu.

RED LIGHT DISTRICT – Um capítulo à parte em Amsterdam (Holanda) é o Red Light District, o bairro da Luz Vermelha,  conhecido por sua prostituição legalizada com garotas expostas em vitrines e  onde maconha e haxixe são consumidos dentro de coffee shops. Bairro onde famílias transitam no mesmo espaço sem problema algum.

Será que conseguiremos conhecer todos esses pontos turísticos durante nossa conexão???Se der tempo ainda queria dar um pulinho no Museu de Cera Madame Tussauds…hehehe.